Hoje é dia de links da semana! Confira abaixo:

Agora que o frio está chegando, a gente precisa tirar as botas e roupas de frio do armário! As botas de couro são mais resistentes pelo seu material e, por isso, duram bastante tempo. A limpeza incorreta do couro pode ocasionar danos aos acabamentos da peça, além de descoloração e degradação mais rápida do material. Por isso, nada melhor do que aprender a limpar botas de couro de maneira correta, né?!

Para deixar suas botas de couro sempre com cara de novas e bem cuidadas, o primeiro passo é limpá-las com um pano úmido em água para remover toda a sujeira superficial e, em seguida, seque-as com uma flanela macia. Se você precisa dar um toque de limpeza rápido na bota, uma dica rápida e fácil é limpá-la com um pano e lustrá-la com creme hidratante, desses que a gente usa para passar na pele mesmo. Adianta bastante!

Para uma limpeza mais profunda da bota de couro, você precisará descobrir se sua bota é tratada ou não tratada.

Se for tratada, um truque para renovar o brilho da bota de couro é aplicar um produto específico para engraxar couro. Para aplicar, você pode utilizar um pano de algodão ou uma escova para sapatos.

Se for não tratada, pode-se utilizar um produto para hidratar couro, ou seja, em óleo ou em creme hidratante. Aplique o produto em toda a superfície da bota.

Depois dessas limpezas, evite utilizar as botas por pelo menos um dia, pois o produto precisa de um certo tempo para fazer efeito no couro.

Um truque caseiro bem eficaz para remover manchas em botas de couro é passar um pouco de óleo de oliva com um pano em toda a superfície da bota, como se você estivesse lustrando-a. O azeite também serve para escurecer botas de couro claro, como aquelas de cor bege, amarela ou marrom.

Gostou das dicas? Curta nossa página no Facebook!

Hoje é dia de links da semana! Confira abaixo:

Os organizadores de plástico são ótimos para organizar muitas coisas! Você pode organizar sapatos, maquiagens, acessórios em geral, objetos de cozinha… São tantas opções! E o melhor: a Benfatto tem para vender diversos modelos desses organizadores. É só entrar em contato!

Confira abaixo algumas imagens que separamos para você se inspirar e organizar suas coisas com esses organizadores de plástico:

Hoje é dia de links da semana! Confira abaixo:

Matéria de Irene Loureiro, da Benfatto Organiza, divulgada no site da Gazeta do Povo, no caderno Viver Bem,  dia 04 de abril de 2016.

Organizar o guarda-roupa nem sempre é tarefa fácil, mas com a chegada do outono, tirar um tempo para reorganizar as roupas é algo de extrema necessidade. Atualmente, um dos pontos que favorecem essa dedicação a cada troca de estação é a falta de espaço para acomodar todas as roupas em um mesmo móvel. “Nem sempre as pessoas têm como dispor tudo de forma equilibrada dentro do armário e aí a reorganização dos espaços acaba sendo importante para visualizar melhor o que têm”, explica a personal organizer da Benfatto Organiza, Irene Loureiro.

Pensando no friozinho que começa a vir com mais força a partir de agora, organizar o armário por categorias é uma das dicas que a especialista dá para iniciar o trabalho. Ao setorizar cada divisória e o que precisa ficar em cada uma delas, a pessoa consegue visualizar com mais clareza o que precisa subir e descer no armário. “A partir daí a pessoa precisa definir o que deve ficar em sua prioridade de acesso. Se ela sabe que não vai usar ainda os casacos pesados de inverno não há porque descê-los para o cabideiro”, ressalta. Roupas mais leves como shorts, vestidos de alcinha e roupas de praia podem ser guardados em locais mais baixos e que não ficam tão à vista, por exemplo.

Proteção

Para armazenar as peças, opte por TNT branco (os coloridos podem manchar as peças) para proteger casacos de lã e blusões mais grossos que serão usados somente no inverno. Como em Curitiba o clima é ameno durante todo o ano, guardar peças de meia-estação em prateleiras ao alcance da vista é um trunfo a mais e ajuda a evitar grandes deslocamentos. “O espaço que a pessoa tem determina onde cada coisa fica”, pontua Loureiro, “por isso essa é uma ótima oportunidade de fazer uma triagem nas peças”.

A regra básica é: se a roupa ficou muito tempo sem ser usada, é hora de repensar se ela é realmente necessária ou pode ser doada. Com isso em mente, aproveite o feriado para olhar o que fica ou vai embora, sobe ou desce dentro do seu guarda-roupa. Pode ter certeza que o resultado será muito positivo (e pode até abrir um espacinho a mais para a compra de outras peças).

CHECK LIST

Veja algumas dicas para conservar suas roupas:

- Guarde suas roupas em packs de TNT, eles permitem que a roupa respire e se mantenha limpa após o tempo de guardado;

- Plástico retém umidade, elimine completamente esse material do seu móvel para evitar mofo e manchas causadas pela umidade;

- Coloque pimenta do reino em saquinhos de TNT espalhados pelo guarda-roupa. Isso ajuda a espantar as traças, muito comuns no Brasil;

- Lave aos poucos o que ficou com cheiro de guardado;

- Areje as peças que não precisam de cuidados especiais.

Fonte: http://www.gazetadopovo.com.br/viver-bem/moda-e-beleza/sobe-e-desce-saiba-como-organizar-seu-guarda-roupa-para-o-outono/

Você é daquelas pessoas que precisa ficar arrumando o guarda-roupas a cada semana, senão não se acha na bagunça? E depois de organizar, parece que tudo sai do lugar muito fácil? Então, está na hora de “fazer a limpa” no seu closet! Jogar fora ou doar algumas peças de roupa é ideal para solucionar esse problema.

A Benfatto preparou um organograma para você seguir e conseguir fazer aquela limpa no seu guarda-roupas! Confira abaixo:

 benfatto_newsletter021_v2

Gostou? Para mais dicas como essa, vem curtir a nossa página no Facebook!

Hoje é dia de links da semana! Confira abaixo:

Você sabia que, dependendo da ocasião, a forma de arrumar a mesa muda? Pois é! Os talheres de um lado, mais de um talher, que tipo de copo colocar, de que lado… Todos esses são detalhes que mudam se o prato servido for formal de café da manhã, almoço ou jantar, por exemplo. Segundo as regras de etiqueta, existem maneiras certas de arrumar a mesa para cada refeição. Veja só:

Para o café da manhã

cafe da manha

O ideal para o café da manhã é arrumar assim: guardanapo, garfo e prato de sobremesa do lado esquerdo, o prato principal (médio) no meio, faca, colher para o café, colher de sobremesa, pires, xícara e um copo do lado esquerdo.

Para o almoço

almoço

Na hora do almoço, arrume a mesa assim: guardanapo, prato de manteiga (menor, para entradas), garfo de peixe (caso seja servido peixe) e garfo principal à esquerda do prato principal; à direita do prato principal, coloque a faca, a colher de sobremesa e o copo.

Para o jantar

jantar

Aqui, o guardanapo fica embaixo dos garfos, do lado esquerdo do prato principal. Então, fica assim: guardanapo, garfo de peixe, garfo principal, prato de manteiga com a faca de manteiga em cima, tudo do lado esquerdo do prato principal. Do lado esquerdo, deixe a faca, a colher de sobremesa, um copo para água (sucos, etc) e uma taça para vinhos.

Para banquete ou brunch

brunch

Nessa situação, coloque novamente do lado esquerdo do prato principal: garfo de peixe, garfo principal e pratinho para manteiga. Em cima do prato principal, deixe o guardanapo. Do lado esquerdo: faca, colher de sopa, pires, xícara e dois tipos de copo, conforme o que será servido no brunch.

Diferentes tipos de taças

Para você ficar ainda mais craque em montar a mesa formalmente, aqui vai algumas dicas de como reconhecer cada tipo de taça e para que servem.

Taça para tinto borgonha: essa taça tem formato de balão, com bojo maior que as de vinho bourdeaux. Serve para vinhos concentrados e complexos como Pinot Noir, Rioja, etc.

Taça para vinhos de sobremesa: Tem bojo pequeno, com a parte superior mais estreita.

Taça para vinhos rosados: São menores que as de vinho branco, mas têm bojo maior, para acentuar a acidez desse tipo de vinho.

Taça de champagne: Mais conhecida como flûte, a taça é fina e tem bojo estreito.

Taça de vinho branco: Corpo menor que as de vinho tinto, com aba estreita para realçar frutas e preservar a temperatura ideal.

Taça de vinho bourdeaux: Bojo grande e aba fechada, é indicada para vinhos encorpados e ricos em tanino.

Com a correria do dia a dia, a maioria das pessoas mal tem tempo para arrumar o armário de roupas. Mas quando tudo vira uma bagunça e você não consegue mais achar aquela blusinha ou aquele cachecol que você tanto gosta, aí chegou a hora de arrumar tudo e solucionar esse problema! Se você não consegue organizar seu armário do jeito que queria, aqui vai um guia rápido com dicas bem legais para tentar manter tudo em ordem. Quando tiver um tempinho, coloque em prática, temos certeza que vai te ajudar (e muito)! =)

1. Para começar, pendure calças, saias, camisas, ternos, casacos e jaquetas. Dobre malhas, camisetas, peças íntimas e jeans.

2. Cabides de madeira, acolchoados ou de acrílico são boas opções para pendurar suas roupas. Os cabides mais finos são melhores para ganhar espaço extra! Importante: Retire o plástico de lavanderia em peças que ainda estão com ele, pois isso não deixa o tecido respirar.

3. Use malas de viagem para guardar as roupas que estão fora da estação, ou use caixas e coloque-as em um lugar alto. Assim, as roupas de outra estação não vão ocupar espaço no seu armário.

4. Ganhe espaço no armário guardando bolsas menores dentro de bolsas maiores!

5. Use penduradores para colocar cintos, gravatas e cachecóis. Assim, economizará espaço no armário e gavetas também.

6. Caixas de sapato são ótimas para guardar seus sapatos, além de facilitar na hora de procurar algum específico. Caso você não queira guardar as caixas, você pode organizar seus sapatos alternando a face dos pares, para ganhar mais espaço.

7. Mantenha as coisas que você quer usar em locais visíveis. Isso vai te lembrar de usá-las e, então, as que você acabar não usando, você poderá doar ou vender. Simples, né?!

Procure aplicar essas dicas todas as vezes que você for arrumar seu armário. A organização vai prevalecer e vai ser muito mais fácil de achar suas coisas!